Prefeitura de Betim abre novas turmas para o Programa de Educação Profissional

0
212
Secom / Betim

Moradores de Betim que estão em busca de qualificação profissional têm mais uma grande oportunidade para ampliar as possibilidades no mercado de trabalho. A Prefeitura de Betim, abre, na próxima segunda-feira (6), as inscrições para as novas turmas dos cursos profissionalizantes gratuitos do Programa de Educação Profissional, idealizado pelo Governo de Minas. Interessados devem se inscrever presencialmente na Superintendência de Trabalho, Emprego e Renda (Seter) até a próxima quarta-feira (8), das 8h às 16h. 

São, ao todo, 120 vagas distribuídas entre quatro cursos ofertados na modalidade  presencial e um à distância (confira a lista abaixo). A expectativa é que os cursos iniciem em novembro. As aulas presenciais serão ministradas de segunda a sexta-feira, das 18h às 22h, na própria Seter. A execução do projeto será de responsabilidade da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), por meio do Instituto Euvaldo Lodi (IEL). 

O público-alvo são pessoas em situação de vulnerabilidade social inscritas no Cadastro Único (CadÚnico). Para participar é necessário ter idade mínima de 16 anos, residir em Betim e ter a escolaridade mínima exigida por cada curso. No ato da inscrição, os interessados devem apresentar documento de identificação pessoal, comprovante de endereço e de inscrição no CadÚnico. As vagas dos cursos serão preenchidas por ordem de inscrição. 

O próximo passo é aguardar o contato telefônico da Seter para a realização da matrícula. Para o registro, os contemplados devem entregar o xerox do documento de identificação pessoal (RG e CPF), comprovante de endereço e comprovante de escolaridade. Também será necessário informar o número da conta bancária nominal ao candidato,  telefone e e-mail.

Os candidatos menores de idade devem estar acompanhados pelo responsável no ato da inscrição e da matrícula.  

Os alunos matriculados serão contemplados com uma bolsa-auxílio de R$ 300 para a modalidade presencial e R$ 150 para modalidade à distância. De acordo com o IEL, o pagamento da bolsa está vinculado à frequência do estudante e a transferência será realizada em duas parcelas iguais de R$150,00 para curso presencial e de R$75,00 para a modalidade EAD. Ainda de acordo com instituto, a primeira parcela será paga após a execução de 25% da carga horária do curso e a segunda parcela após a execução de 50% da carga horária. Já o transporte e a alimentação serão de responsabilidade do aluno. 

Programa de Educação Profissional 

O Programa de Educação Profissional é financiado com os recursos do Acordo de Reparação Integral assinado entre a mineradora Vale SA, o Governo de Minas, a Defensoria Pública de Minas Gerais e o Ministério Público Federal e Estadual.

Confira os cursos ofertados e os pré-requisitos

Modalidade presencial

Montador e reparador de computador – 20 vagas


Escolaridade: ensino fundamental II (6º a 9º ano) – completo  
Idade: mínimo 16 anos
Sexo: indiferente
Horário: de segunda a sexta-feira, das 18h às 22h
Carga horária: 160 horas (dois meses)

Cabeleireiro – 20 vagas

Escolaridade: ensino fundamental II (6º a 9º ano) – completo  
Idade: mínimo 16 anos
Sexo: indiferente
Horário: de segunda a sexta-feira, das 18h às 22h
Carga horária: 400 horas (cinco meses)

Cozinheiro – 20 vagas
 

Escolaridade: ensino fundamental II (6º a 9º ano) – completo  
Idade: mínimo 16 anos
Sexo: indiferente
Horário: de segunda a sexta-feira, das 18h às 22h
Carga horária: 400 horas (cinco meses)

Confeiteiro – 20 vagas
 

Escolaridade: ensino fundamental II (6º a 9º ano) – completo  
Idade: mínimo 16 anos
Sexo: indiferente
Horário: de segunda a sexta-feira, das 18h às 22h
Carga horária: 200 horas (dois meses e meio)
 

Modalidade EAD

Operador de caixa – 40 vagas


Escolaridade: ensino fundamental II (6º a 9º ano) – completo  
Idade: maior de 16 anos
Sexo: indiferente
Carga horária: 160 horas (dois meses)