quarta-feira, setembro 22, 2021
InícioDestaquesLíder de grupo criminoso de Igarapé é condenado a 34 anos de...

Líder de grupo criminoso de Igarapé é condenado a 34 anos de prisão

O Tribunal do Júri de Igarapé condenou, nessa semana, um homem de 30 anos, considerado o líder de uma organização criminosa que traficava drogas na região, a 34 anos de prisão em regime fechado, sem direito de recorrer em liberdade, pelo assassinato de duas pessoas em novembro de 2015.

De acordo com a denúncia do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), uma das vítimas foi morta devido a desavenças relacionadas ao comércio de drogas. A outra, como queima de arquivo, por estar na companhia do desafeto do líder do grupo.

Além do crime de homicídio, cometido por motivo fútil, o líder da organização foi condenado por associação para o tráfico de drogas e por corrupção de menores, porque teria ordenado que um adolescente participasse diretamente dos assassinatos.

Outros envolvidos

Além do chefe da organização criminosa, que está preso preventivamente desde 2019, a 4ª Promotoria de Justiça de Igarapé denunciou outras oito pessoas por integrarem o grupo e por terem participado direta ou indiretamente dos assassinatos. Eles já foram julgados, e os executores do crime, condenados.

Conforme escutas telefônicas autorizadas pela Justiça, o chefe da organização foi o responsável por determinar a execução dos homicídios e por dirigir a atuação dos outros integrantes do grupo para o cometimento dos crimes, desde o planejamento até a fuga. Inclusive, fornecendo aos autores do crime arma de fogo e munição. Pelo MPMG, participou do julgamento a promotora de Justiça Silvia Letícia Bernardes Mariosi Amaral.

 

Artigos Relacionados
Publicidade

Mais Recentes

error: Conteúdo protegido contra plágio!