Jogadores de futebol enviam mensagens à Gabriel, adolescente atingido por linha chilena

0
587

Sensibilizados com a história de Gabriel Lucas Alves, de 15 anos, que teve sua perna esquerda gravemente ferido por linha chilena de um papagaio no último sábado (20), jogadores profissionais enviaram mensagens de apoio ao menino.

O volante Henrique Pacheco, do Cruzeiro, prestou sua solidariedade à Gabriel, que está internado no Hospital Regional de Betim. “Fala, Gabriel! Aqui é o Henrique. Estou aqui para dar muita força para você. A gente passa por tudo e quando passa a gente fica mais forte. Que Deus te abençoe, te capacita e te revigore de forças. Vai dar tudo certo. Força aí, guerreiro”, disse o capitão da equipe do Cruzeiro.

Gabriel Lucas também recebeu o apoio do goleiro do Figueirense, Elisson Aparecido, que já atuou pelo Cruzeiro. “Passando aqui para te desejar muita força, sabedoria, discernimento, e, acima de tudo, muita fé para enfrentar esse momento difícil que você está passando. Mas uma coisa eu te digo meu amigo: não cai uma folha de uma árvore sem a permissão de Deus. Se ele está permitindo que você passe por isso, é porque algum propósito tem”, disse o goleiro.

Em seu vídeo, Elisson relembrou a perda de seu filho. “Não sei se você sabe, mas recentemente, há oito meses, eu perdi meu filho. E é uma dor insuportável, irreparável, mas Deus tem me dado muita força, muita fé para saber lidar com essa ausência de uma pessoa que eu amo muito. Mas Deus é Deus. Ele não é homem que minta, nem filho do homem para que se arrependa. Um grande abraço. Deus te abençoe, que você continue firme para passar por tudo isso”, concluiu.

Gabriel Lucas, que sonha em ser um profissional do futebol, estava voltando do treino, quando uma linha chilena que estava na rua se enroscou no pneu de um ônibus e atingiu a sua perna.

Até o momento, o adolescente já foi submetido a duas cirurgias e a equipe médica avalia a necessidade de uma terceira operação. O risco de amputação ainda não foi descartado pelos médicos.

Segundo o hospital, o garoto teve lesões de nervos, artérias e veias da perna esquerda. Ele está internado no Centro de Internação Intensiva (CTI), consciente e orientado. Não há previsão de alta.