Sexta-feira, 05/06/2020

Gerais

Multa por abertura de comércio em Igarapé pode chegar a quase R$ 16 mil por dia

A partir desta quarta-feira (8), a Polícia Militar se junta à prefeitura para reforçar a fiscalização. Foto: Comunicação/PMI

A partir desta quarta-feira (8), os  fiscais do município poderão contar com o apoio da Polícia Militar durante  o trabalho de abordagem dos estabelecimentos comerciais que insistirem em permanecer abertos no período de pandemia do coronavírus. Além de ter o alvará cassado,  o estabelecimento que descumprir o Decreto nº 2329, de 21 de março de 2020, poderá ser multado em até R$ 15.898,00, por dia.

No município, podem permanecer abertos apenas supermercados, sacolão, padaria, mercearias e estabelecimentos congêneres de venda de alimentos não preparados, farmácias, laboratórios, clínicas, hospitais e demais serviços de saúde, distribuidoras de gás, postos de combustível (exceto suas lojas de conveniência), lojas de produtos veterinários e afins (exclusivamente para a venda de ração para animais sob o regime de delivery).

Estão proibidos de funcionar:

  • casas de shows e espetáculos de qualquer natureza;
  • boates, danceterias, salões de dança;
  • casas de festas e eventos;
  • feiras, exposições, congressos e seminários;
  • centros de comércio, galerias de lojas e lojas comerciais;
  • clubes de serviço e de lazer, piscinas;
  • academia, centro de ginástica, pistas de caminhadas, estabelecimentos de condicionamento físico;
  • clínicas de estética e salões de beleza;
  • parques de diversão, circos, parques temáticos;
  • bares, restaurantes e lanchonetes.
  • campos de futebol, quadras poliesportivas;
  • camelódromos e 
  • igrejas, cultos e templos religiosos.

1 Comment

  1. Hamilton

    Para que supermercado funcionando?
    Se o cidadão não terá como comprar?

Deixe um comentário

RUA MIGUEL HENRIQUES DA SILVA, Nº4, CENTRO, IGARAPÉ-MG


CONTATO: (31) 9 9858-1002

error: Conteúdo protegido contra plágio!